PREVENÇÃO E COMBATE (COMPLEMENTAR) novembro

doe sangue novembro


Após dois meses, homem é preso novamente suspeito de vender diplomas falsos em Cacoal

Nesta terça-feira (1) um homem foi preso pelo mesmo crime em Cacoal (RO) em menos de dois meses. O suspeito é investigado por falsificar diplomas de graduação e certificados do ensino médio. Ele já havia sido detido em abril durante a Operação Loki, mas ficou pouco tempo em prisão preventiva.

A ação foi deflagrada pela Polícia Civil para combater um grupo suspeito de vender diplomas falsos e fazer cartões de crédito usando CPFs e dados de terceiros. Segundo a polícia, a perícia identificou que a quadrilha vendeu pelo menos 50 diplomas falsos, todos de conclusão do ensino médio.

LEIA TAMBÉM

Homem morre após bater em “Guard Rail” na BR-364

Entregador aceita pagamento com “LOVE” e viraliza na internet; veja vídeo

Rondônia – Caseiro de fazenda morre baleado ao sair dizendo que ia caçar

Rondônia: Adolescente de 15 anos morre após sofrer forte dor de cabeça

Esposa furiosa tortura amiga de infância com tesoura após suposta traição do marido; veja vídeo

Rondônia: Empresário é encontrado morto pela esposa

O delegado responsável pelo caso, Alexandre Baccarini, informou que por questões legais o suspeito acabou sendo colocado em liberdade, mas foi preso novamente, pois verificou-se que o homem continua cometendo os mesmos crimes.

Ainda de acordo com a polícia, foram abertos inquéritos para investigar as pessoas que compraram os diplomas falsos. Pessoas chegaram até a assumir cargos públicos em prefeituras utilizando esses documentos, segundo as investigações.

Os envolvidos podem responder pelos crimes de falsidade de documento público e particular, uso de documento falso e falsidade ideológica.

FONTE G1 RO

doação de sangue