PREVENÇÃO E COMBATE (COMPLEMENTAR) novembro

doe sangue novembro


Como usar o WhatsApp Web no celular

Conteúdo exclusivo para assinantes das notificações.


Clique em ACEITAR e depois em PERMITIR que a noticia será liberada automaticamente.
Você também pode aguardar segundos ou clicar aqui para leberar a noticia.

O WhatsApp Web foi projetado para funcionar em computadores e notebooks, mas os recursos também pode ser acessado pelo celular.

Sumário Post usar whatsapp en la web

Passo a Passo usar whatsapp en la web

Para usar whatsapp en la web pelo smartphone, é importante que você tenha dois celulares em mãos, afinal, um deles servirá como substituto do computador.

Passo 1

  1. Feito isso, escolha um dos celulares e use-o para abrir o navegador Google Chrome.
  2. Logo após, na barra de pesquisa, digite o endereço do WhatsApp Web (web.whatsapp.com).

Passo 2

Como transformar a página inicial do navegador do celular na versão para computador.

  1. No Google Chrome, basta clicar nos três pontinhos no lado superior direito da tela e procurar a opção “site para computador”.
  2. ”. Em outros navegadores, o processo costuma ser muito parecido com esse descrito.

Passo 3

  1. Realizando o passo 2 a página recarregará automaticamente, mostrando a versão conhecida do WhatsApp Web para computador.
  2. Agora você deve usar o segundo celular para ler o QR Code, afinal, é ele o responsável por sincronizar ambos os celulares.

Passo 4

  1. Entre no app do WhatsApp e procure pela opção “WhatsApp Web”, clique nos três pontinhos no canto superior direito e depois clica na opção “WhatsApp Web”
  2. Na nova tela que aparece, clique novamente no canto superior direito para adicionar um novo dispositivo, clicando no ícone de “+” para que o outro aparelho possa ser reconhecido.
  3. Feito isso, basta usar o QR Code gerado pelo primeiro aparelho e escaneá-lo usando o segundo celular.

Em poucos segundos a conexão deve ser feita, permitindo a você usar o WhatsApp Web no celular sem precisar de um computador para isso.

doação de sangue

Fonte: Conexão Rondônia