PREVENÇÃO E COMBATE (COMPLEMENTAR) novembro

doe sangue novembro


Rondônia: estado surge com 95% de probabilidade de crescimento dos casos da Síndrome Respiratória Aguda Grave

Conteúdo exclusivo para assinantes das notificações.


Clique em ACEITAR e depois em PERMITIR que a noticia será liberada automaticamente.
Você também pode aguardar segundos ou clicar aqui para leberar a noticia.

Levantamento divulgado pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) aponta que a Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) já atende por cerca de 59,6% com identificação viral no mês de junho. Além disso, a doença acompanha uma alta significativa.

Na última semana de maio, a SRAG já apresentava no país tendência de elevação. Nas amostras da doença, os casos positivos para a Covid-19 se confirmaram associados.

LEIA MAIS

Estado vizinho de RO – Registra mais uma morte de criança por sindrome respiratória e número chega a 11 em menos de dois meses

Milagre: jovem sobrevive após ter sido cortado ao meio e ganha prótese especial; veja video

Chacina: Cinco pessoas são assassinadas na Vila São João

Batida entre carro e carreta mata jovem na BR-364

Ainda segundo a Fiocruz a curva que acompanha o crescimento também teve ligeira elevação. Quanto a faixa etária, o registro indica crescimento da doença em crianças de 0 a 04 anos.

No caso delas, a Covid-19 tem sido maior que o registro do Vírus Sincicial Respiratório (VSR). Cerca de 15 dos 27 estados tem mostrado probabilidade para alta. Nesse cenário figura o estado de Rondônia.

Porto Velho localiza entre as 09 das 27 capitais com 75% de chances de aumento. Na Região Norte, somente Manaus mostra instabilidade nos registros.

No Acre, o problema tem preocupado o governo. Segundo levantamento da Secretária de Estado da Saúde (Sesacre), onze crianças já morreram vítimas da Síndrome Respiratória Aguda Grave.

Em consequência disso, o Estado mandou aumentar o número de leitos para internação. No InfoGripe do Ministério da Saúde, que acompanha o raio-X dos episódios da doença no Brasil, o estado de Rondônia surge com 95% de probabilidade de crescimento para a SRAG.

fonte newsro