PREVENÇÃO E COMBATE (COMPLEMENTAR) novembro

doe sangue novembro


Vítima de acidente na área rural morre em hospital de Cacoal; filho de 7 anos continua em coma induzido

Conteúdo exclusivo para assinantes das notificações.


Clique em ACEITAR e depois em PERMITIR que a noticia será liberada automaticamente.
Você também pode aguardar segundos ou clicar aqui para leberar a noticia.

Será sepultado no final da tarde desta quarta-feira (20), em Vilhena, o corpo do trabalhador rural Airton Nunes da Silva. Ele tinha 48 anos e faleceu na noite desta terça-feira (19) no Hospital de Emergência e Urgência de Rondônia (Heuro) na cidade de Cacoal.

Junto com o filho, um menino de apenas 7 anos, Airton estava de moto, quando se envolveu em um acidente na área rural de Cerejeiras. A colisão, que deixou pai e filho em estado grave, aconteceu na noite de domingo (17).

LEIA MAIS

Jovem morto em cidade do interior de rondônia gravou funk com refrão sobre atirar na testa

Dois irmãos morrem em acidente com fogo de artifício

Duas pessoas morreram após carreta tombar na BR-364

Trágico: Homem morre após carro capotar na RO-010

O pequeno Arthur, de 7 anos, que assim como o pai sofreu lesões graves em decorrência do acidente, continua internado em Cacoal. Ele permanece em coma induzido, mas está reagindo bem ao tratamento.

Morador da região há mais de 30 anos, Airton estava indo com o filho para a fazenda do tio, onde residia e trabalhava. O menino, que estava de férias escolares, havia ido ficar com o pai, ao qual era muito apegado.

Airton, que sofreu traumatismo craniano e fraturas expostas, além de lesões em duas vértebras, deixa também uma filha de 15 anos, que assim como o irmãozinho, mora em Vilhena.

Fonte Folha do sul on line

doação de sangue