doe sangue novembro


Tragédia: Pastor da IEAD e esposa morrem afogados ao tentar salvar filho em praia

Pastor

O pastor da Igreja Assembleia de Deus Felizberto Almeida Sampaio e sua esposa Inalda Ribeiro Sampaio morreram ao tentar salvar o filho, de 13 anos, de um afogamento na manhã desta terça-feira (10), na Praia de Camaçari, em Lucena, no Litoral Norte da Paraíba.

O casal estava na faixa de areia quando percebeu que o filho estava se afogando e entrou no mar para salvar o adolescente; moradores também ajudaram a resgatar o rapaz mas o casal não conseguiu sair da água. A família de Campina Grande, no Agreste do estado, passava férias no litoral quando o acidente aconteceu.

A morte do casal de pastores foi lamentada pela Convenção Geral de Ministros das Igrejas Evangélicas Assembleias de Deus do Brasil.

LEIA MAIS

Casal é flagrado fazendo fortes emoções em frente a Catedral; Vídeo

Saúde: Quiropraxia é perigoso?

Rondônia: Empresário morre após grave colisão frontal na BR-364

Equipes das polícias Civil e Militar foram acionadas. Segundo a delegada Andreia Melo, o filho do casal, de 13 anos, foi ao mar quando se afogou.

O Corpo de Bombeiros também esteve no local. As vítimas foram retiradas do mar e colocadas na faixa de areia para realização da perícia. O garoto inicialmente não corre risco de morrer.

Felizberto era obreiro filiado a Convenção, foi dirigente na congregação Quixaba por 12 anos, e atualmente era coordenador e professor da EBD, tesoureiro e secretário da igreja. Sua esposa Inalda era a segunda coordenadora do campo e regente do conjunto de irmãs.

O sepultamento será realizado no distrito de Catolé de Boa Vista, em Campina Grande, na Paraíba.

Fonte: Comunhão com informações de Portal do Trono e Portal T5

Fonte: Fonte: Comunhão com informações de Portal do Trono e Portal T5