Homem morto ao cobrar dívida de amigo cumpria pena no regime semiaberto

queimadas
EXPOPIB

Homem morto na tarde de quinta-feira (21) ao cobrar uma dívida no valor de R$ 40 de um amigo foi identificado como Francisco Rodrigo Lima de Souza, de 19 anos. Souza cumpria pena no regime semiaberto por roubo e era monitorado por uma tornozeleira eletrônica.

A princípio, o Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (Ciosp) informou que o crime havia ocorrido durante um jogo de baralho. Porém, a Polícia Civil confirmou que o crime foi motivado após desentendimento por causa de uma dívida de R$ 40.

O rapaz levou um tiro nas costas no bairro Juarez Távora, em Rio Branco. A família contou para a polícia que Souza saiu de casa para jogar baralho próximo da residência. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) chegou a ser acionado, mas quando a equipe chegou ao local Souza já estava morto.

Ao G1, o delegado responsável pelas investigações, Cristiano Bastos, falou que já identificou o suspeito do crime e faz buscas por ele. Bastos confirmou que os dois rapazes eram amigos.

vacina em dia

"A pena dele era por roubo, mas tinha passagens por tráfico e outros crimes. Já temos a identificação do autor, ontem [quinta, 22] foram feitas diligências, mas ele fugiu. A vítima foi cobrar uma dívida do autor, que disse que pagava depois. A vítima disse para ele ficar com o dinheiro como esmola, tipo esnobando. O autor buscou a arma e atirou nele", explicou Bastos.

 

 


queimadas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.