Sem Perdão: Idosa descobre que foi traída e mata marido a facadas

EXPOPIB

TRAIÇÃO E MORTE – Odair Nunes da Rosa, de 43 anos, casado com Maria Rosana Morimã, de 62 anos, mais nova que o marido 19 anos, é ré-confessa de um crime de homicídio. Maria matou Odair a facadas quando soube que ele a traía. Mas como toda mulher valente, se apresentou à Polícia antes de saber que o marido estava morto,

O crime de homicídio, segundo a Polícia Militar (PM) aconteceu na madrugada deste sábado, 25, dentro da casa do casal, no Jardim América, na cidade de Juara (Norte, 715 quilômetros de Cuiabá). A mulher conta que matou quando soube que havia sido traída pelo marido.

Segundo Maria contou à Polícia, ela e Odair estavam bebendo, quando ainda sem explicação, ela descobriu que o marido a havia traído com outra mulher.

Ela foi à cozinha, pegou uma faca e o esfaqueou. Quando os policiais militares chegaram ao local, encontraram Odair caído em uma poça de sangue. Mesmo socorrido às pressas, o homem morreu logo após dar entrada no pronto atendimento.

Mesmo ainda sem saber que o marido estava morto, Maria ligou para a PM e confessou que havia esfaqueado Odair. Ela recebeu voz de prisão e foi autuada em flagrante em crime de homicídio pela Polícia Civil local.

 

 

 


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.