Rondônia: Homem alega que terceiro usou seu celular para marcar encontro com travesti e agora vem sofrendo ameaças

EXPOPIB

A vítima procurou a Unidade Integrada de Segurança Pública de Vilhena (Unisp),  onde relatou que vem sendo ameaçado por um travesti, após alguém ter usado seu aparelho celular para marcar um encontro com o mesmo e não ter comparecido.

Ainda segundo a vítima, o contato do travesti provavelmente tenha sido obtido via internet e devido o não comparecimento no local e hora marcados, o referido travesti vem afirmando que irá até sua casa e contará para seus familiares e amigos que o mesmo é homossexual, assim como também solicitou o valor de R$500,00 em dinheiro, que apesar de já ter sido pago, não cessou as ameaças.

O denunciante afirmou também, que segundo o travesti, o encontro tinha sido marcado em uma residência localizado na Avenida Natal, esquina com a Barão do Melgaço, próximo a uma oficina mecânica e que no último contato realizado, o agente solicitou um depósito no valor de R$ 1 mil em nome de Bruno Henrique Siqueira.


Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.