DOE SANGUE

queimadas


Interior de RO – Homem cai de caminhonete quando participava de cavalgada, bate a cabeça e morre

Será velado e sepultado neste domingo, 29, o corpo do auxiliar administrativo Paulo Roberto Marchi. Prestes a completar 37 anos no próximo dia 04 de setembro, ele morreu ontem, após sofrer um acidente na área rural do distrito do Guaporé, pertencente a Chupinguaia, a 90 km de Vilhena.

Marchi participava de uma cavalgada na Linha 85 e estava na carroceria de uma caminhonete, quando o veículo foi acelerado. Além de Paulo, que caiu de cabeça no chão, outras duas pessoas que também estavam na picape sofreram quedas, mas nenhuma se feriu com gravidade.

LEIA TAMBÉM

Interior de RO – Ambulância perde o controle, colide em barranco e deixa dois pacientes feridos

RO – Barbeiro bom de navalha corta a cabeça de assaltante durante arrastão em salão; veja vídeo

Carreta carregada de óleo de cozinha tomba na BR-364

vacina em dia

Empresária é brutalmente assassinada pelo marido e corpo é jogado aos fundos de serraria



Segundo foi informado à família, havia uma criança na cabine e, quando ela pulou no colo da mãe, que dirigia o veículo, houve a aceleração acidental. O site não conseguiu confirmar este detalhe com testemunhas.

Conforme relatou uma irmã da vítima ao FOLHA DO SUL ON LINE, após o acidente Paulo foi levado na caminhonete de seu patrão, um engenheiro que também participava da cavalgada, para o posto de saúde do Guaporé e, de lá, trazido de ambulância até Vilhena.

Na UPA, médicos passaram cerca de 40 minutos fazendo massagem, na tentativa de reanimar o acidentado, mas ele não resistiu ao ferimento na cabeça, provavelmente um traumatismo craniano.

Caçula de 09 irmãos que chegaram em Vilhena com os pais no ano de 1984, vindo de Realeza, no Paraná, Marchi será velado na Capela Mortuária e sepultado ainda hoje.

fonte folha do sul on line